Curiosidades e Surpresas

Curiosidades

● Uma característica de J.K. Rowling é criar nomes que são pertinentes ou descritivos ao seu objeto/pessoa (ex. Beco Diagonal, Voldemort etc). O mesmo vale para a Travessa do Tranco: é um lugar que você não gostaria de visitar ao anoitecer. [Em inglês, Travessa do Tranco chama-se Knockturn Alley. Knockturn é uma variante de nocturnal, que significa noturno.]

● No escritório de Dumbledore no fim do filme, o diálogo entre Harry e Lucio Malfoy (“Vamos esperar que o Sr. Potter sempre esteja por perto para salvar o dia”…) foi improvisado por Daniel Radcliffe e Jason Isaacs.

● As primeiras cenas do filme foram as últimas a serem filmadas. Os espectadores podem notar isso pela forma com que o visual e as vozes dos atores mudaram. Por exemplo, Matthew Lewis (que interpretou Neville Longbottom) disse que teve de encher suas bochechas de bolas de algodão na cena das “Mandrágoras na Estufa”, porque que ele tinha perdido muito peso desde o início das filmagens.

● Na cena onde Harry e Malfoy estão voando em suas vassouras, há uma parte em que Colin tira uma foto. Ouça a musica logo após. É a mesma usada em Star Wars: Episódio II – Ataque dos Clones durante a cena de perseguição em Coruscant (John Williams fez a música para esse filme e para todos de Star Wars).

● Quando Harry, Rony e Canino começam a andar pela Floresta Proibida, há um close de Canino andando em direção à câmera. No início da próxima cena, no canto inferior direito da tela, o Ford Anglia é visível. Apesar de a cena deles vendo o carro antes do mesmo resgatá-los ter sido excluída, esta continua sendo uma cena do carro “assistindo-os”.

● Há uma cena extra após os créditos. Vê-se o efeito posterior de Lockhart ao feitiço de perda de memória.

● Catorze Ford Anglias foram destruídos para criar a sequência de Harry e Rony dirigindo-o.

● Jason Isaacs (que interpretou Lúcio Malfoy) gostou tanto da bengala prateada que sua personagem carregava o tempo todo que tentou roubá-la do set e era o mais infeliz quando foi pego.

● A parte da jovem Murta Que Geme foi interpretada por Shirley Henderson, que é uma mulher de trinta e sete anos de idade.

● No trailer do filme, há uma cena onde Rony e Harry estão arrastando Crabbe e Goyle para dentro de um armário de vassouras. Esta cena não está no filme e aparece como uma cena deletada no DVD.

● Em Pedra Filosofal (2001), Hagrid toca os tijolos atrás do Caldeirão Furado e eles começam a se rearranjar criando uma passagem. Pause o filme para dar uma olhada rápida para a velha placa verde em que se lê “Floreios & Borrões”, que paira sobre a livraria da esquina. Essa é a livraria em Câmara Secreta que Harry e Hagrid passam em seu caminho para sair da Travessa do Tranco, mas na velha placa verde obviamente lê-se outra coisa, já que não é o cenário para a Floreios & Borrões nesse filme.

● Christian Coulson encarregou-se do papel de Tom Riddle, mesmo tendo vinte e três nos tempos das filmagens e excedendo o grupo de quinze à dezessete anos selecionado para as audições. Ironicamente, em 2007, quando Coulson expressou interesse em retornar para Enigma do Príncipe, o diretor David Yates declinou, sentindo que Coulson era “muito velho” para interpretar o papel novamente.

● A Murta Que Geme é interpretada por Shirley Henderson, que também está no filme “O Diário de Bridget Jones” (2001). A primeira aparição de Henderson nesse filme é chorando num banheiro, o que Murta faz também em sua parte do filme.

● O ator Hugh Grant foi originalmente convidado a interpretar Gilderoy Lockhart, mas recusou a oferta por já ter começado a trabalhar em outro filme.

● Nas versões asiáticas do filme, as legendas chinesas para ‘Draco Malfoy’ têm um duplo sentido. São pronunciadas como ‘zhuai ge’, que também significa ‘garoto arrogante’.

● O gerente de um cinema na Noruega disse que o filme estava fazendo as crianças mais jovens vomitarem. A razão é que elas estavam comendo doces e vendo Rony vomitar lesmas ao mesmo tempo.

● Estiveram ocorrendo discussões acerca do que Lúcio Malfoy começa a dizer depois de Harry libertar Dobby, será que ele diz “Avada-” ou “Vera-“? Não é tão fácil decidir quando se assiste à versão inglesa, mesmo que as legendas indiquem “Vera-“. Na versão alemã é bem fácil, ele diz “Avada-” sem nenhuma dúvida. Parece que os tradutores não leram o script original, ou talvez Malfoy tenha dito “Avada-” na versão inglesa (e tentaram esconder isso por algum motivo usando uma legenda diferente). Para aqueles que não leram os últimos livros, “Avada-” é a primeira parte do feitiço “Avada Kedavra”, um poderoso feitiço de morte que é altamente ilegal no mundo da magia. É por isso que este pedacinho do filme é importante – muitos fãs estão perplexos quanto ao fato de Lúcio estar executando tal feitiço logo depois de sair do escritório de Dumbledore.

● A razão de Susan Bones estar em tantas cenas com os Grifinórios, apesar de ter sido selecionada para Lufa-Lufa, é porque a atriz é Eleanor Columbus, filha do diretor Chris Columbus. Dois de seus outros filhos também estão no filme.

● Quando Harry entra no escritório de Dumbledore, um retrato de Gandalf, o Cinzento (dos livros “O Senhor dos Anéis”) está incluído na coleção de pinturas do diretor. Está em cima da moldura da porta e ligeiramente para a direita de Harry.

● Embora muito óbvio para os britânicos, não é provável que seja tão bem conhecido nos EUA. Fawkes a fênix foi provavelmente nomeada em consideração a Guy Fawkes (1570-1606), um conspirador católico que tentou matar o rei James I e explodir o Parlamento em 1605 (a Conspiração da Pólvora) a fim de vingar a perseguição de católicos romanos na Inglaterra. Seu plano falhou, ele foi preso, julgado e executado. 5 de novembro é a noite de Guy Fawkes, quando o fracasso de seu plano é comemorado com fogos de artifício e fogueiras – as chamas frequentemente têm um “cara” em cima delas, um boneco recheado.

● Quando Harry usa o Pó de Flu e vai parar na Travessa do Tranco, a primeira coisa que ele olha é um colar. Se você leu o sexto livro vai saber que Cátia Bell (da Grifinória) toca num colar amaldiçoado da Travessa do Tranco. O mesmo deste filme.

● Todas as cenas que contavam com a presença de Richard Harris foram feitas primeiro por causa de seus problemas de saúde (ele acabou morrendo da doença de Hodgkin em 25 de outubro de 2002, após a conclusão das filmagens). A cena onde Dumbledore e Harry estão em seu escritório no final do filme foi a primeira a ser gravada, pois ele tinha a maioria de suas falas ali (note que Harry parece bem novo nesta cena).

● Enquanto Hagrid e Harry estão andando para fora da Travessa do Tranco, olhe cautelosamente para as vitrines ao fundo – em uma delas há todo o conjunto dos livros de Harry Potter.

● No final da cena onde Dobby visita Harry na ala hospitalar, Dumbledore menciona a entrada para a Câmara Secreta. Quando a cena termina, a seguinte começa imediatamente focando a pia do banheiro feminino (a entrada para a câmara, mais tarde descobrimos).

● No livro, há uma trama secundária onde Percy estava escondendo o fato de ter uma namorada da Corvinal chamada Penélope Clearwater, que foi atacada na mesma época de Hermione. Ela é quase totalmente cortada do filme, mas em uma cena, Nick-Quase-Sem-Cabeça cumprimenta Percy e ‘Senhorita Clearwater’ que estão andando lado a lado.

● Quando Harry olha seu álbum no início do filme, ele vira a página de papel de cera e entre as páginas de fotos e a impressão em cera é claramente visível papel. A impressão é de várias teias de aranha na fina página de papel de cera. É mais fácil de perceber vendo quadro a quadro.

Surpresas

● No disco 2, vá para o Desafio da Câmara em Atividades e o narrador dirá alguma coisa sobre uma passagem secreta. Bem, no início ao invés de clicar na seta do centro seja rápido e pressione ‘LEFT’ no seu controle remoto, e a passagem secreta será revelada. Na edição americana pressione ‘LEFT’ e depois ‘UP’ e novamente a passagem secreta será mostrada, ignorando as perguntas.

Tradução: Marina Anderi e Gabriel Amaral
Revisão: Larissa França

Leave a Reply